sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Aniversário


2008

2007


2007


2006



2005






2005



2005







2004







2004





QUINTA FEIRA, 14 DE FEVEREIRO DE 2008.
ANIVERSÁRIO DO DANIEL!!! 4 ANOS!!!
*Junho de 2003: Há 4 meses morando no Rio, de férias do primeiro semestre na faculdade; ainda estava me ambientando no Rio.
Essas férias foram "animadas", se me entendem... Nem sabia, mas o Dani começava a fazer parte da minha vida.
Julho de 2003: Passando meio mal, enjoada... Morrendo de fome! Minha família estava passando uns dias em casa. Minha avó fez uma comida que estava muito boa, muito boa mesmo; comi de lamber os beiços. Minha mãe ficou assim ó, comigo...
Alguns dias depois faço o exame: Éééééééééé...... O Dani estava a caminho!!!!
Setembro de 2003: Sem condições de continuar estudando: Sem barriga ninguém dá lugar no ônibus (aliás, COM barriga o povo já não dá....); um monte de gente junta respirando o mesmo ar... Quando conseguia chegar na faculdade, batia um sooooono... Ai, chega, tranca logo essa matrícula!
Novembro de 2003: Descubro que é o Dani mesmo, aos cinco meses de gravidez. Uma luta mais ou menos pra escolher o nome, kkkkk.... Muito lindo, por sinal.
Janeiro de 2004: Já comentei sobre o verão no Rio de Janeiro né? Em Realengo? E com 8 meses de gestação? Pense.
13 de Fevereiro de 2004: Já estava sentindo umas contraçõezinhas há uns dois dias. Algo me dizia que tava pertinho... Umas 6 da tarde as contrações apertam um pouquinho, mas bem espaçadas. E assim ficaram até a noitinha.
Umas onze da noite resolvi fazer a unha. Comédia; pensei "se for hoje, pelo menos não vou pro hospital no relaxo!". Fazia um pouquinho, vinha uma contração, eu parava, esperava passar e continuava.
Fui dormir. Contração vinha, eu esperava passar e dormia de novo.
Uma da manhã já não dava mais pra dormir; as dores estavam mais fortes. Acordei Gomes e fomos pro banheiro. Fiquei na ducha uns 40 minutos, pra aliviar as dores...
Duas da manhã liguei pro médico, coitado. "De quanto em quanto tempo está sentindo dores?"- "Cinco em cinco minutos, mais ou menos."-"Pode ir pro hospital."
Sem correria arrumamos as coisas, chamamos um táxi e fomos.
Três e pouco: depois de acordarmos a equipe do Dr, estamos no quarto esperando a dilatação aumentar.
Quatro e pouco: Contração uma em cima da outra, Dani está pronto pra vir! Vamos pra sala de parto, vira de lado, toma anestesia, estoura a bolsa; cadê o Dr??? (Nota: o coitado mora no Catete, o hospital é em Padre Miguel, do outro lado da cidade. Pra melhorar, ele pegou uma blitz na Av. Brasil.)
Quatro e vinte: Dr. chega todo esbaforido, se veste lá, vai pra sala de parto.
Catorze de Fevereiro de Dois Mil e Quatro, quatro e vinte e quatro da manhã: Dani "escorrega" pra fora, chorando, saudável, lindo!!! Três quilos, cinqüenta centímetros.
De lá pra cá ele cresceu, aprontou, ficou doentinho, internou-se, melhorou, sarou, riu, aprendeu, brincou e, principalmente, alegrou! A mim, ao pai, aos irmãos, à todos que o conhecem!
PARABÉNS MEU FILHO! TE AMO!
*Levei um sustão agora. Tava eu aqui tranqüila quando ouvi um tec tec tec. O Sr. Artur Bolota tava botando os dedinhos lindos no ventilador LIGADO!!! Meu coração veio na boca! Anteontem machuquei minha mão nesse ventilador; me cortou em 3 lugares, imagina! É, Deus guarda mesmo viu, porque a mãe.....
*Leticia, TDUD é muito bom né? A-dou-ro!
*Nat, vou ver e te passo como linkar tá?
*Vou ver o almoço dos meus machos (hohoho), fui hein?
*"Aniversário", Palavra Cantada.

2 comentários:

Lets disse...

Ooooooh, que fofas as fotos do Dani! E a historia tambem! Parabens pelo filhote, Bia! :)
Beijo

Nat: Mãe do Miguel disse...

Sou fãzoca desse dani! Do tutu e do matheus tb viu?
Mas o Dani...ele tem uma cara de "filho do meio" kkkkkkkkkk.
Parabéns Dani!!!!!!!!! Lindão! 4 anos heim? Ai que fofo!

Beijocas bia, parabéns pra você tb, por ter filhos tão queridos.