segunda-feira, 6 de outubro de 2008

F5

*SEGUNDONA CHUVOOOOSA, 06.10.08.


*Olha que estamos já já no Natal e Ano Novo; adouro hein?

*Bom, como findaram as grandes viagens, os eventos nababescos e tudo o que poderia me oferecer um cadim de gramú, segue a vida. E acabei de traçar meu singelo pratinho de arroz com frango e batata frita que, by the way, se eu tivesse um Perfect Dicer em casa economizaria meu tempo e obteria fatias de batata uniformes (Hamilton Beach, Polishop e BestShopTV Kitchen formam meu caráter).

Depois de 3 dias inteiros cuidando dos pitocos all alone, agradeço aos céus porque eles foram pra escolinha hoje. Essa semana toda, aliás, vai ter programação especial; semana das crianças. Amigolate, circo, baladinha, brinquedos etc. Magina se eles não vão amar??

E daí que de manhã o Gomes me liga dizendo que começou de fato um período de escravidão no selvicio, módis que ele vai fazer hora extra todos os dias e os pitocos ficarão por minha conta at all. E, mais uma vez, agradeço a Pai por tê-los matriculado numa escolinha, o que me dá a tarde de descanso (e alguns afazeres também, se eu não passo a roupa do Gomes ele me mata).

*Olha que eu temia muito pela viagem ao Rio por causa dos enjôos né? Mas, graças a Deus e obrigada pelas orações da galera, Dramim B6 e Lisador foram meus pastores e nada me faltou. Não senti na-da. Na quinta cheguei no Rio com um cadim de dor de cabeça, que aumentou bem enquanto eu tava no salão fazendo o cabelo (gente, sempre quis falar isso), mas daí que carrego sempre comigo meus anjinhos redondinhos e durante a cerimônia de formatura não senti na-da de dor.

Aliás, ando bem disposta ultimamente. Tá bom, fui parar no PS sábado de noite por conta de uma ameixa (sacanagem), e fiquei no soro. Aliás [2], já passei por todos os obstetras do plantão da PUCC. Dr. Douglas, Dra. Mariana, Dr.Carlos (com quem vou fazer o pré natal), Dra. Silvia (duas vezes!). Devia ter um programa de milhagem.

*Então que a Tati (oi, fotos?) ficou com meu celular ontem pra pegar/colocar umas músicas né. E que colocou umas do PSB, do "Behaviour", o que fez muito bem, viu?
Daí que é uma coisa né. Quando começou "How can you expect to be taken serously" lembrei da faculdade. Porque tínhamos um professor que se achava; tanto que o apelido dele (entre nós) era Chronos, o pai de Zeus. E a letra dessa música é a cara dele:

You live upon a stage, and everyone's agreed
You're the brightest hope by far that anyone can see
So when you take the limelight you can guarantee
You're gaining fame and claiming credibility
Tell me baby are you gonna get high as a kite?
Tell me baby are you gonna let it happen every night
How can you expect to be taken seriously?

You live within the law, and everyone assumes
You must find this a bore, and try something new
You're an intellectual giant, an authority
To preach and teach the whole world about ecology
Tell me baby are you gonna make any other claims?
Tell me baby are you gonna take any of the blame?
How can you expect to be taken seriously?
How can you expect to be taken seriously?
(Seriously)
(Seriously)

You live within the headlines, so everyone can see
You're supporting every new cause and meeting royalty
You're another major artist on a higher plane
Do you think they'll put you in the Rock'n'Roll Hall of Fame?
Tell me baby how you generate longevity
Tell me baby how you really hate publicity
How can you expect to be taken seriously?
How can you expect to be taken seriously?
Seriously (seriously)
Seriously, aah

(Do you have a message for your fans?)

How can you expect to be taken seriously?
How can you expect to be taken seriously?


E então fui lembrando de tanta coisa que aconteceu nos anos que fiquei na UFRJ... Do medo que a gente tinha da Marinete, que se transformou em respeito, admiração e amor (Marinete, s'a agapoó), do Auto com aquela cara de perplexo sempre, da Tania, dos demais professores; enfim, da convivência que havia e que NÃO VOLTA MAIS! Sei que a turma ainda tá se vendo; estão estudando pra prova de mestrado entre outras coisas, cuidando da licenciatura, mas estão lá. Ai como é ruim deixar coisas e PESSOAS boas e queridas...

E depois veio "Oscillate Wildly" dos Smiths e, ali no quentinho da coberta (tava na cama ainda), ouvindo a chuva lá fora, senti meu coração ficar pequenininho...Dizem que essas coisas que dóem servem pra amadurecer né? Assim espero.

Daí começou "My october symphony" e eu lembrei que com uns 13 anos eu já ouvia essas músicas. E que uma vez eu tava na casa da minha avó, e minha tia Iara tava lá também com um amigo né. E aí começou a tocar essa música do PSB e, esse amigo, querendo dar uma de esperto, dizia "Pô, esses caras são demais, colocar a oitava sinfonia na música, bla bla bla..." e eu, no 'alto' dos meus 13 anos, pensei "ai cara burro, october não é oitava, é outubro!! A música é 'Minha sinfonia de outubro' e não 'Minha oitava sinfonia'!!" e que, nessa época mais ou menos, meu sonho era ter um tênis Nike, mas o bicho era (e continua sendo) caro. Daí que uma amiga, a Daniela, tinha um e me deu, usadinho já, porque a mãe dela tinha comprado um tênis novo pra ela; e eu usava o tênis usadinho, surraaaado, modelinho velho com a maior alegria do mundo; ó que bestinha?
E, pensamento contínuo, como a vida tá fácil pro meu filho hoje, que aos 14 anos já teve Nike, Adidas, Reebok etc etc etc; porque graças ao bom e fiel Deus temos (leia-se: o Gomes tem) condições de comprar. E percebi que esse papo de "a vida tá mais fácil pros meus filhos; no meu tempo era assim assado" é coisa de gente que tá ficando velha, no que lembrei que não estou passando meu Renew do dia e que preciso com urgência providenciar o noturno. Rá.

*E as fotos da formatura, que não foram tantas assim, então né Tati, estou aguardando tá?

3 comentários:

Tatiana disse...

Vou mandar tááááa´??????

Bia, Desperate Housewife disse...

tô no aguardo táááááá?

Luci disse...

então. já que foi tudo bem, 100enjôos, vc. está apta a se juntar aos finos e bem relacionados! vamo tomar chá? ó que chic!
bj!