domingo, 13 de março de 2011

Mamãe assassina.

*A Net scavurska liberou uns canais pra gente "degustar", entre eles o Discovery Home & Health. E aí eu fiquei toda animadinha e tals; tava começando o "Casamentos Espetaculares" ou algo assim. Daí quando eu vejo, POXA, é repetido da outra vez que a Net liberou os canais. Qué dizê.

Bem, mas o negócio é que fica passando um comercial dum programa que tem como nome "Minha mãe, minha assassina". Doce, não?

E eu vendo TV e os meninos na sala.

"Mãe, porque a mãe é assassina?"

"Mãe, você vai assistir esse programa?"

"Daniel, a mãe assassina é uma mãe monstra GRAAAAARRR!" (Artur)

"Ela é uma mãe alienígena!!"

E foram brincar.

.
.
.

Hoje cedo, estavam eles brincando, e diziam assim:

"Olha, ali tem uma mamãe assassina! Mata ela!", "BOOOOOOOM!"

"Corre, a mãe assassina quer chupar seu sangue!!"

"Eu vou pegar a mãe assassina pra ela não te morder!!"

o_O

.
.
.

Separei umas coisas pra começar a fazer o lanche coletivo da classe do Daniel (amanhã é dia dele levar). Como faltam umas coisinhas, eu vim pra internet fazer hora pro Matheus acordar e ficar com eles pra eu sair e comprar o que falta.

E os meninos brincando no meu quarto.

Daniel, então, começa a berrar de lá:

"Mamãaaaaaaae! Mamãaaaaaaaaee! Vem aquiiii!"

Levei um sustão, saí correndo ver o que era.


*AVISO: só prossigam os fortes*

Quando cheguei no quarto, Bruno tinha tirado a fralda cheia de cocô; Artur tinha pisado e metido a mão; na tentativa de limpar a mão pegou a toalha de banho do Bruno; e nisso andou o quarto todo com o pé sujo.

.
.
.

Peguei Artur pelo braço, pra que ele não pisasse mais em lugar algum, botei menino no box, liguei chuveiro, peguei o Bruno e botei junto.

Quando vejo o chão do banheiro, todo mijado.

"QUEM. MIJOU. NO. CHÃO?"

"Fui eu, mamãe, porque eu fui fazer xixi e o Artur veio dar cosquinha no meu suvaco!!!"

Papel toalha, desinfetante.

Pano de chão.

No banheiro, no quarto.

Banho nas crianças.

Respira. Inspira. Respira. Inspira.

.
.
.

Será que eles tem motivo pra brincar de "mãe assassina"?

Responda-me.

14 comentários:

Luci disse...

kkkkkkkkkk!
adorei... a narrativa!
bj

Mila disse...

hahahahahahah Ameeeeeeeeeeeei!
Eu vi esse programa e fiz: "gente, mas q nome leve prum programa!"
Beijo!

Anônimo disse...

depois de tanta tragédia bia,
o melhor lugar do mundo é aqui, minha queridona vc é!!!
beijos na turma toda
respira inspira
madoka

Rita disse...

MELDELS!!!!!!!!!!!!

:-)

Consuelo disse...

Olha, esse programa eu até mudo de canal, pq dá arrepios. Mas que a gente não fica normal diante de uma narrativa dessas, não mesmo, mas eu acho que começo a chorar, rs

Roberta disse...

aff...

Roberta disse...

Rindo muito aqui ...
desculpa até, mas foi engraçado!!!
Vou acompanhar seu blog...AMEI!!!!
Beijos.
Roberta

Maiby Martins disse...

nããããããããooooooo! nenhum motivo...
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!
sorte que vc mantém a calma. eu já teria matado dois...
bejins

Cláudia disse...

Nossa, tô imaginando a cena !!!
Tô chegando agora no blog,e achei pela narrativa que você deve ter muita paciência com os pimpolhos.
Parabéns pelos filhões.
Abraços.

Carol Passuello disse...

Hahahhahaha
É feio rir da desgraça dos outros, mas não me contive, sorry..
Super adoro seu blog, rio muito!
Bjs

Cláudio Sub disse...

KKKKKKKKKKKKKK!!!! Pra variar, me mata de rir!!!!

SIL disse...

Jú tb ficou impressionada com isso.

Jef explicou: nããão, Julinha, nem todas as mães são assassinas...


hahahahahahahaha

Renata Luppi disse...

Eles gostam de adrenalina, heim !!!Hahahah

DaniMoreno disse...

kkkkkkk!!! as aventuras de uma mãe enlouquecida... pensa que ter 4 filho é fácil?? Né não!! rsrsrs

beijinhos