domingo, 27 de março de 2011

Copyscape, o pega-plágio.

*Lembrei desse site porque certa vez, a Ana sofreu desse problema, descoberto através do copyscape.

Vai aqui ó, digita o link do teu blog e vê se tem algum cara-de-pau te kibando.

Eu botei o meu e caiu no blog da fulana, que está fechado. Nem precisa ter o texto todo chupado, bastam algumas frases.

Fica a dica.

5 comentários:

Anônimo disse...

fica fria bia, um dia a casa cai, rs.
bjs
madoka

Kira! disse...

Comigo não deu muito certo não...


Coloquei lá e táls o endereço, e sei que já usaram vários textos meu (com autorização ou não, já achei por ai) mas não constou nada no site.


Vai entender. =P

Beijos

Ana disse...

É impressionante: copiam as coisas mais prosaicas, do nosso cotidiano... Dá a sensação que não tem nada para contar. Nem de cocô de neném! Hahahah!

Bia! Tens o dom de fazer pequenos acontecimentos virarem crônicas deliciosas! Tens talento, humor, grandes sacadas... Isso explica o plágio! Fico pensando que ela, talvez, quisesse ter a tua vida, que tu constróis com tanta personalidade, tanto empenho, tanto cuidado, tanto amor...

Se, ao menos, ela aprendesse um pouquinho...

Anônimo disse...

Oi Bia, só passei pra dizer que a escola tá melhor que pensava... tá bão demais aprender coisas novas, meu cérebro tá feliz!
Muito obrigada pela força! Cê é DEZ!
Gel de Floripa

Ana Matusita disse...

Oi Bia!
Se a escola dos seus meninos é a Curumim, era eu mesma!
Pode me cutucar um dia desses pra gente se conhecer, sem medo do micão! hehe
bj,
Ana