terça-feira, 19 de abril de 2011

Muita preguiça.

*De postar. Os blogs tão tudo empoeirados. Tô quase alugando espaço para anúncios.

E olha que as coisas acontecem por aqui, viu. Mas tem época que qualquer peido vira post, e pode tremer o chão que eu não escrevo.

Tipo ontem. Ontem eu combinei com o Gomes de irmos ao mercado pra completar a compra do mês. Mas ele esqueceu.

Saí de casa pra buscar os meninos na escola já pensando "eike fadiga de pegar estrada, afe"; até porque tem congestionamento every single day na rodovia. E aí, já na volta, pensava eu que ia chegar em casa, o Gomes ia estar lá já e então sairíamos de casa pro mercado, ele me liga. Eu, na saída da Dom Pedro pra Anhanguera, um monte de motorista leso na minha frente, caminhão, curvão etc, e Gomes me dizendo que esqueceu das compras e ficou no serviço. Se não fôssemos ontem, sabe lá Deus quando iríamos, porque capaz dele trabalhar feriado, fim de semana etc.

E isso tudo indicaria que eu, a fadiguenta da estrada, teria que pegar mais estrada pra buscar o esquecidinho no trabalho.

Fiquei conteeeeeenteNOT...

Tá. Vamos ser rápidos.

Passei no posto, porque tava com pouco combustível. Dani diz "mamãe, quero fazer xixi!" Ai meu deus. Quando fui tirar o menino, o Artur atrás "mamãe, eu também quero fazer xixi!". Ai chega, resolvi voltar pra casa e botar os dois pro banheiro antes de ir buscar patrão no trampo.

Aí saí do posto, passei por umas ruas escuras, pensei que se eu voltasse pra casa era abrir postão, botar carro pra dentro, soltar todo mundo depois prender todo mundo de novo etc etc. (É um trabalho sim, meu povo). Isso já era sete da noite. Quer saber? Parei o carro num paredão lá, botei Artur e Daniel pra fazer xixi no muro. SÓ DEUS PODE ME JULGAR.

Depois da mijação em muro alheio, toca ir pegar estrada pra buscar o meninão.

Well. Fizemos compras, chegamos em casa quase nove da noite, demos DANONE, uva, e sei lá mais o que pros meninos comerem e morremos na sala, eu e Gomes.

Essa vida, Brasil, não é fácil.

.
.

Ontem o Artur pegou o controle remoto, apontou pra mim e disse:

"Mamãe, vou apertar o botão pra você parar de falar!"

Posso?

.
.

Quer me ver feliz na páscoa? Me dê passas cobertas de chocolate.

.
.

Esse é Bilico na biblioteca da escola dos irmãos:

<3

3 comentários:

Maiby Martins disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk!
até com preguiça, vc faz piada!
e que vida fácil essa, né? garanto que tem um monte que acha que vc é madama...
bejins

Deh disse...

aaaaaaaaaaaah que foto mais totosa de Bilicoooo! *vem cá, menino, que a tia vai apertar vossas bochechas DICUMFORÇA*

Opinião de mãe disse...

Entendo perfeitamente! Sei como é difícil "fazer tudo corretamente" quando se tem criança. Só tenho uma, imagina 4?

www.maedeopiniao.blogspot.com