quinta-feira, 23 de setembro de 2010

É lógico, ué.

*Cenário:

Carro em movimento, mãe descabelada-cansada-com fome, 3 meninos no banco de trás, falando mais que o homem da cobra.

Segue o seguinte triálogo:


Mãe: "Daniel, vai ver se eu tô na esquina, vai" (*meu jeitinho meigo de maternar*)


Daniel: "Você não tá na esquina, mamãe, você tá aqui dentro dirigindo!"


(Mãe com cara de caneca)


Artur: "Aqui dentro não tem esquina!"


(Mãe com cara de canequíssima)


Daniel: "Mamãe, o que é uma esquina?"


(Som de grilos fazendo cri-cri-cri e imagem de bola de feno passando dentro da cabeça da mãe)


Mãe: "Depois a mãe fala, Dani!"


(Corta)

7 comentários:

Anônimo disse...

mãe descabelada, formada em grego!! mas escuta Bia, vc mora em SumPaulo? não né? em Campinas não deve ter tanto trânsito assim vai?
beijão e sem stress :)
madoka

Mari Biddle disse...

Ahahahahaha! Mas tu ficou sem palavras? Eu imaginei dando uma resposta elaboradíssima e os meninos ouvindo e não entendendo nada.

Bjkas

Tina Lopes disse...

hahahahahahahahahah
hahahahahahahahahahah
ahahahahahahahahhahahaha
ai, Bia, sidivirto cos Gomes.

Bia, Desperate Housewife disse...

Madoka, a escola do Artur é bem pertinho de casa (mas a pé não rola). Mas ó, em Campinas o bicho tá pegando viu! Tem uns lugares que o trânsito fica impossível!
Beijo, linda!

Mari, menina, ontem eu fiz tanta coisa de manhã, já tava com a cabeça gasta que realmente não pensei em nada! =oP

Tina, criança é isso, né! BJ

Ge Leali disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

vany24 disse...

E aí, conseguiu explicar pra eles o que é uma esquina?

Amei o texto!

bjks

Kira! disse...

Ai gente tenho medo de quando a Beatriz ficar assim! hahaha
Beijos